Quem deseja cuidar da saúde e manter o peso em dia provavelmente já se aventurou em algumas dietas mirabolantes. Eliminar os carboidratos e deixar de comer o que ama são algumas práticas comuns e que, no longo prazo, não geram um bom resultado. A verdade é que o grande segredo do sucesso é investir na reeducação alimentar.

Diferentemente de qualquer dieta restritiva, a reeducação alimentar é um processo que reavalia os seus hábitos diante das refeições, buscando melhorar o seu relacionamento com a comida, sem demonizar os alimentos — para que você alcance um peso saudável.

Interessante, não é? Pensando no assunto, criamos este post com os principais benefícios dessa prática e algumas dicas para você investir já na ideia. Acompanhe!

Quais são os benefícios da reeducação alimentar?

As substâncias presentes nos alimentos, como as proteínas, os carboidratos, os minerais e as vitaminas, são responsáveis por desempenhar funções diferentes no nosso organismo. Por isso, consumir uma boa variedade de ingredientes é essencial para manter a saúde e o bem-estar.

Quando excluímos determinados grupos de alimentos da nossa dieta, aumentamos as chances de prejudicar o desempenho do corpo, resultando em fadiga, dor de cabeça, dificuldade de raciocinar e falta de energia.

Não existe uma fórmula mágica para o emagrecimento. O melhor caminho é investir em bons hábitos alimentares e seguir um estilo de vida saudável. Procurar um profissional da saúde, como o nutricionista, também é primordial. Ao longo desse caminho, o especialista poderá analisar o seu histórico médico e adaptar um cardápio dentro das suas preferências e necessidades.

A boa notícia é que, com a reeducação alimentar, você conseguirá eliminar os quilos indesejados aos poucos, sem prejudicar a sua saúde e conquistando a sensação de bem-estar e mais qualidade de vida.

A seguir listamos os principais benefícios que essa prática pode oferecer. Acompanhe!

1. Prevenção de doenças

Você sabia que as doenças cardiovasculares são uma das principais causas de morte dos brasileiros? A maneira mais eficaz de controlar o problema é diminuindo os níveis de colesterol e triglicérides do sangue por meio de uma boa alimentação.

Com uma dieta balanceada associada à prática de exercícios físicos, é possível reduzir significativamente os riscos das chamadas doenças arteriais coronarianas. Isso significa que o indivíduo precisará fugir das refeições com alto teor de gordura — que contenham carnes gordas, manteiga e laticínios integrais, por exemplo.

Além disso, quando o organismo não recebe os nutrientes adequados para o seu bom funcionamento, a consequência é uma só: o sistema imunológico fica altamente fragilizado, aumentando o acúmulo de componentes prejudiciais à saúde e que são responsáveis por causar uma série de complicações, como infecções de pele, herpes, otites, gripes e resfriados.

2. Adoção de um estilo de vida mais saudável

Não há escapatória: se você deseja manter um estilo de vida saudável, precisa investir todas as suas fichas na reeducação alimentar. Afinal, de nada adianta treinar na academia todos os dias se, ao chegar em casa, você se alimenta de forma inadequada.

Engana-se quem imagina que a má alimentação é capaz de prejudicar somente a boa forma. Muito além disso, esses hábitos nocivos são os grandes vilões do bem-estar e de um corpo livre de doenças.

A dica é não esperar pelo aparecimento de complicações graves, como o colesterol, a obesidade e a pressão alta para cuidar do seu corpo. Comece desde já o seu processo de mudança alimentar e a realizar práticas de exercícios físicos.

Ao adotar esses hábitos, você não verá os alimentos com o mesmo terrorismo, muitas vezes pregado pelas dietas restritivas. Dessa vez, a culpa ficará de lado e será possível resgatar o prazer da alimentação sem sofrer grandes privações até alcançar o seu objetivo. O caminho é muito mais agradável é tranquilo!

3. Mais disposição

Cansaço, preguiça, fraqueza e sono constante: esses são alguns dos sinais de quem sofre com a indisposição. Normalmente esses sintomas são um alerta de que o indivíduo não está oferecendo a quantidade de energia necessária para que o corpo aguente todas as atividades do dia a dia.

Por exemplo: esse efeito pode acometer pessoas que realizam apenas duas refeições diárias ou consomem comidas gordurosas em excesso, fazendo com que o organismo gaste mais energia do que realmente pode.

Como contornar esse cenário? Fácil! Veja a comida como um verdadeiro combustível para o corpo. Ao longo do dia, o seu organismo precisa de pequenas quantidades de alimentos saudáveis para se manter ativo e absorver os nutrientes sem que o sistema fique sobrecarregado. Essa mudança fará com que você tenha mais energia, disposição e consiga se concentrar melhor nas suas tarefas.

4. Controle do peso

Muitas pessoas que tentam emagrecer já vivenciaram o temido efeito sanfona. Ou seja, após eliminar muitos quilos com dietas da moda, o indivíduo volta aos seus hábitos tradicionais e adquire toda a gordura novamente. Uma das grandes vantagens da reeducação alimentar está exatamente nessa questão: o controle do peso.

Ao contrário das dietas malucas, esse conceito permite que você coma de tudo, mas em pequenas porções, alcançando resultados sólidos e definitivos.

Atualmente, o método é considerado pelos especialistas como a melhor alternativa para aqueles que desejam emagrecer com saúde e de modo irreversível. Dessa forma, você poderá comer frutas, legumes, saladas e até mesmo uma feijoada ou uma lasanha, se desejar. Tudo de forma moderada e com muito prazer!

5. Melhor funcionamento do aparelho intestinal

A prisão de ventre é um problema que afeta boa parte da população mundial. Entre os sintomas estão o inchaço, a dificuldade para evacuar, a sensação de estufamento e a irritabilidade. Em geral, a constipação é resultado de uma alimentação inadequada, rica em açúcares, ingredientes industrializados e gordurosos.

Para combater esse mal, basta investir na reeducação alimentar, ingerindo alimentos ricos em fibras e bebendo bastante líquido.

Anote a dica: frutas, cereais integrais e legumes são alguns dos componentes responsáveis pela manutenção da flora intestinal e que facilitam o trânsito dos alimentos no intestino.

Como adotar essa ideia?

Até aqui você conseguiu compreender os benefícios da reeducação alimentar para a sua vida? Então que tal conferir algumas dicas práticas para melhorar a sua relação com a comida e atingir a sua melhor forma? Veja:

Prefira comidas caseiras

Ao preparar as suas refeições em casa, é possível comer alimentos mais leves, frescos e de melhor qualidade, evitando o consumo de comidas industrializadas.

A vantagem da refeição caseira é que você poderá temperá-la conforme o seu paladar, experimentando temperos novos sempre que desejar. Páprica, pimenta, salsinha, curry e manjericão são ótimas opções para deixar o seu prato ainda mais saboroso!

Reduza o consumo de açúcar

Diminuir o consumo de açúcar é um dos primeiros passos para quem deseja manter uma alimentação saudável. Essa mudança pode ser feita aos poucos, parando, por exemplo, de consumir refrigerantes ou de adicionar açúcar nas bebidas.

Quando comprar um alimento, procure ler os rótulos e observar a quantidade de açúcar que o alimento tem. No caso das opções industrializadas, o açúcar pode ganhar outros nomes: sacarose, glicose, melado, xarope de milho ou frutose.

Evite frituras

As frituras são muito gostosas, é verdade! No entanto, por trás dessa explosão de sabores está um grande problema: os alimentos fritos são pouco saudáveis.

Razões para isso não faltam: as frituras são altamente gordurosas, colaboram para o surgimento de câncer e de doenças do coração, podem apresentar gorduras trans e são capazes de eliminar nutrientes importantes para o nosso corpo, como os ômegas 3 e 6.

Se você não sabe como substituir a fritura nas suas refeições, siga as dicas abaixo:

  • prepare proteínas na grelha, como os peixes;

  • faça frango e carne bovina no forno;

  • prefira consumir o ovo cozido ou “frito” em água;

  • cozinhe legumes ao vapor, sem adição de gordura.

Só temos a ganhar com a reeducação alimentar: mais disposição, energia, bem-estar e um visual em dia. Agora que você já sabe tudo sobre o assunto, aproveite e compartilhe este post com os seus amigos nas redes sociais!